INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Pontaria


Da minha vastíssima experiência, concluo que a melhor altura para se ter um filho é o Outono.
Passo a explicar:
Brindamos à passagem de ano e ao início da aventura, ainda com Champagne.
Se tudo correr às mil maravilhas, temos um início de gravidez no Inverno.
À medida que a barriga aumenta, a quantidade de roupa diminui.
Ainda passamos o Verão descansadas na praia, com o bebé em versão K7.
Nas últimas semanas, em que nada serve e tudo nos atormenta, apenas precisamos de vestidos longos e leggings e já não há tantos programas familiares e estivais aos quais não temos capacidade de comparecer.
Quando finalmente a cria nasce, ainda não está frio, mas já estamos prontas para o Inverno em modo cavernoso.
O bebé passa os primeiros meses de vida fechadinho em casa, a crescer no quentinho.
Quando a Primavera desponta, também ele está pronto para explorar o mundo.
Já podemos gozar um Verão minimamente decente, porque ele já está suficientemente crescido para se divertir à brava! E nós já tivemos tempo para nos pormos em forma...
Faz anos logo no início do ano lectivo, o que não traz problemas de ser mais novo, nem mais velho, faz logo no início do ano e já está, além de que temos alguma margem de manobra com as festinhas.
Para já, para já, é só vantagens!
Quando pensar em ter outro filho, volto a fazer pontaria para Janeiro - Outubro, mas só lá para 2013...

12 comentários:

Ana Maldivas disse...

Concordo com tudo e ainda mais uma vantagem te assinalo - entra-se em licença de maternidade quando tudo anda deprimidissimo com o regresso ao trabalho.
Pois eu tive a pontaria para o pior - filho no início do Verão, o que equivaleu a DOIS dias de praia - e mesmo assim a correr pois só tinha deixado um biberão com os avós. E quando o Miguel quiser explorar o mundo, estamos em pleno Inverno :(

O meu Xibi disse...

Concordo plenamente o meu Tiago nasceu em pleno Outono, logo fiquei em casinha com ele enquanto chovia lá fora e olhava pela janela as pessoas a irem trabalhar e eu no meu conforto do lar.
Agora no Verão o rapaz já gatinhava e já nos deu alguma mobilidade para passearmos por alguns sítios, ver se para a próximo acerto novamente :P
Bom fim-de-semana.
Vera

Magda disse...

a minha menina nasceu no verão, e não concordo ctg...desculpa!!! mas se calhar pq não sou grande fã de praia e tanto me faz ir ou não... =)

Sónia disse...

ehehe adorei ahahah eu tive a Sofia no inverno mesmo no fim de Novembro, por isso quando nasce passeios tá quieto, mas assim que chegou a primavera já ela tinha meio ano lá começamos na boa vida! O Tito já nasceu no verão por isso coitadinho começou logo a ir à praia com 15 dias que é para não se armar em esquisito! Claro que foi todo bem protegido e sempre dentro da tenda para não apanhar sol!

batata-frita-mãe disse...

Eu se algum dia quiser fazer pontaria, decididamente não farei para Janeiro!
Planear a festa foi um martírio. Está frio, não há onde fazer a festa. Não se pode ir para a praia, para o campo, é em casa e é "se queres".
Enfiar uma família grande em minha casa é complicado. Alugar um espaço é caro! Nada como o ar livre à borlix, tipo, a praia ou um piquenique algures.
Eu muito sinceramente adorava um dia fazer pontaria para o Verão. Acho que no 1º ano custa porque não vamos à praia, não disfrutamos muito da estação. Mas daí para a frente é só festas ao ar livre. Adoro saborear um aniversário no Verão.

Carla Marialva disse...

Olha concordo , minha filha nasceu no final de Maio e passei um verão infernal não ia à praia e tava gorda que tinha vergonha até de me olhar ao espelho, sem falar que para passear a miuda ou era muito cedo ou só no final do dia mais a noite.
Estou a fazer planos para um próximo para o Outono pelas razões que aqui escreveste, e porque gostava de ter um(a) filho(a) de balança ou escorpião(não te rias pls).
Ahhhh sem falar que se tiverem que ir para creche(meu caso)já vão num tempo de menos doenças no ar.

Marta disse...

Hehe! Bons planos, sim senhora :D
Boa pontaria!
Eu cá gosto da primavera!
A mais velha nasceu em Janeiro e não gostei por estar sempre preocupada com o frio, não podia sair de casa com ela para a rua, era um stress na hora do banho, etc.
A Beatriz nasceu em Maio, acho uma boa altura. Tem a desvantagem de o verão estar próximo e a questão da boa forma mas ainda assim tens alguma margem.
Para mim a desvantagem do Outono é mesmo a "prisão" por causa do tempo, quando poderias aproveitar para passeios com o bebé, está frio... Um segundo filho tem que ser (ainda mais) portátil porque tens que coordenar com o mais velho. A minha mais nova com 15 dias já andava de um lado para o outro a levar e buscar a irmã à escola, ao ballet, ... por isso o estar o tempo ameno foi bom!

Anônimo disse...

Desculpa mas não concordo!
Tive um filho em Junho e outro em Maio e não me imagino a passar um verão de barrigão, nem pensar!! Andei gravida no inverno, uma maravilha, gravida que é gravida não tem frio! Quando o bébé nasce está calor, não são precisos os 333 agasalhos, não há ranhocas e afins, dá para passear pois está bom tempo; Não são os mais novos nem os mais velhos da turma, não correm o risco de fazer anos perto do natal (coisas de gaja traumatizada por fazer anos em dezembro)etc, etc
Carla

A mamã da Beatriz... disse...

a minha nasceu em Novembro e foi excelente! Invernos na cama até mais tarde, comecei a trabalhar (ela ficou com a minha mãe) já em Março). Uma maravilha!!!

Su disse...

Já sabes a minha opinião ;) Beijinhos aos dois...

Ana (A mamã é só minha) disse...

Eu tive os meus dois filhos no Outono e adorei! Além de tudo o que mencionaste e tão bem, estar de licença de parto nessa altura chata em que não apetece tanto sair de casa, ainda podemos somar o privilégio de ter férias de Natal, Carnaval e Páscoa :))

Beijinhos e boa semana :)

vidasdanossavida disse...

Ia ter um bebé em Março, mas, infelizmente, perdi-o, e de acordo com o médico posso voltar a tentar no fim de Dezembro... O que dá um bebé no outuno. Eu preferia a primavera, mas pronto... O meu primeiro filho nasceu em Janeiro e estava imenso frio para ir com ele à rua e, além disso, nunca vai dar para fazer festas ao ar livre.
http://vidasdanossavida.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...