INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

sexta-feira, 30 de maio de 2014

O machismo

Concordo com mais este texto da Leididi, como concordo com tanto que ela escreve. É, de facto, leitura obrigatória.
Apenas quero ir um pouco mais além, em dois pontos, enquanto mulher e enquanto enorme simpatizante do genéro masculino (adoro rapazes, que é que hei-de fazer?) e mãe esforçada de dois espécimes masculinos, que pretendo bem criados.

1 - O machismo que cai sobre nós mulheres todos os dias não vem apenas dos homens, machistas são os homens e também as mulheres. Muito muito muito as mulheres. Saindo de situações de imposição física, entrando em expressões de machismo intelectual ou psicológico, há tanto machismo masculino quanto feminino. As mulheres são muitas vezes as mais cruéis com as outras mulheres, por inveja, por tacanhez, por ignorância, e isso vem para fora das suas almas sob tiradas machistas e redutoras. Enquanto os homens criticam e inferiorizam pelo óbvio, pelo todo, as mulheres criticam por pormenores, não deixam escapar nada, são cruéis em específico, o que é especialmente mesquinho e impossível de escapar.

2 - Apenas não concordo com um aspecto do texto. O de deixar subentendido, por oposição ao quão difícil tudo é para as mulheres, que para os homens é tudo sempre muito fácil. Não é, e não estou apenas a falar das dificuldades que enfrentam homens mais frágeis que os seus pares. O machismo é uma coisa que se aprende, que passa de geração em geração e que cabe aos pais e às mães quebrar.
Além disso, o que faz de um homem, que já nasce condenado a ser um poço de testosterona, ser ainda mais truculento, mais físico, mais reactivo, mais violento do que a sua genética predetermina (e não podemos ignorar isso, assim como não podemos deixar que isso seja desculpa para um comportamento condenável) é condicionado pelo que dele se exige. Pela forma como é condicionado a ser "um homem" desde pequenino, pela foram como é criado pela sociedade.
Enquanto mãe de dois rapazes, vou fazer o possível por me representar, uma vez que sou o primeiro exemplo de uma mulher para os meus filhos, enquanto fonte e figura, física e emocional, de amor, carinho, autoridade, trabalho, comunicação.
Para reflexão, aqui fica este vídeo, deste projecto:


quinta-feira, 29 de maio de 2014

AMD, os dentes os dentes os dentes os dentes...


Ai que o meu bebé está a sofrer tanto com os dentes e quem paga são os meus tímpanos... Misericórdia, senhora D. Fada dos Dentes, porque sois tão cruel?

O meu regime de beleza Esteé Lauder

Quer-me parecer que o melhor incentivo à disciplina no ritual de beleza nocturno pode bem passar por gastar uma pipa de massa num creme, que nos deixa com um grande peso na consciência e a obrigação de não falhar para dar por bem empregue o dinheirinho gasto...
Comigo está a resultar!
Pois que gastei a tal pipa de massa no sérum extraordinaire da Estée Lauder, o consagrado Advanced Night Repair, em jeito de presente de 35 anos de mim para mim. Quão deprimente será eu oferecer a mim própria cremes anti-envelhecimento?! Mas era o que eu queria que eu própria me oferecesse, estas são as minhas prioridades pessoais e intransmissíveis, emagrecer e rejuvenescer - e ao menos tratar do rosto não passa por arrastar-me estrada fora...



Então, aproveitei uma dupla promoção na Sephora, comprei o sérum e ainda trouxe uma pouch com tamanhos viagem para o dia. É mesmo para ficar viciadona na Estée Lauder, não é?! Está a resultar, parabéns. É que estou a adorar estes produtos (todos!), noto imensa diferença na minha pele e não é o peso na consciência a falar. Pode ser simplesmente por estar a seguir disciplinadamente um ritual de beleza nocturno, coisa que já não acontecia há mais tempo do que quero admitir, mas estou em crer que não será tão simples.
De facto, o sérum é muito confortável de usar. Fresco e imediatamente absorvido, tem de ser usado com o creme de noite. Tenho notado a minha pele mais lisa, descansada e sobretudo, sem a borbulhinha da praxe que já estava de volta, depois de as minhas hormonas terem dado mais uma reviravolta. Era aquela borbulha que quando não está no nariz, está na testa, quando seca a da testa aparece outra no queixo, andava sempre nisto, tinha sempre pelo menos uma borbulha de serviço! Com a gravidez e amamentação, a minha pele andava muito melhor, mas assim que deixei amamentar, tumbas, estava ela de volta. Mas por pouco tempo, pois desde que este menino careiro e parcimonioso entrou na minha vida, nunca mais voltaram... O que para mim é muito muito bom.
Umas gotinhas bem medidas com a pipeta, nos quatro quadrantes do rosto e é mais que suficiente. Este era um sérum de culto, indicado para todos os tipos de pele e todas as necessidades, que já queria experimentar há algum tempo e não me arrependo de o ter comprado. Que dure, porque cá estaremos para o usar!


E com o sérum veio esta bolsinha gira gira, com estes pequenos meninos, "meras" sugestões para um ritual de dia.
Tendo o Idealist, para mim foi ouro sobre azul, porque este era outro sérum da Estée Lauder que queria muito experimentar. Indicado para pele com imperfeições, era mesmo o que a minha pele estava a precisar e estou a gostar bastante. Mais uma vez, uma pequena quantidade é mais que suficiente, mesmo porque tem micro partículas de brilho que devem ser bem controladas. Essa é a parte que não gosto neste sérum, tendo a pele com tendência oleosa e imperfeições, não me agrada nada brilhos e partículas na pele, mas estas são mesmo muuuuuito pequeninas e de facto, a minha pele fica iluminada, não brilhante, e eu aprecio muito essa diferença. Continuo com o meu sérum da Nuxe do coração, mas estou a gostar muito desta facadinha na nossa relação.
O DayWear é um creme de dia denso, mas que se usa muito bem, também tenho gostado imenso. Da mesma linha do BB cream da Estée Lauder, o aroma a pepino é o mesmo, e é o que menos me agrada, mas é muito suave e desaparece num instante, no problem.
Depois do sérum e do creme, vem a base, esta Double Wear, muito líquida e ligeira na aplicação, que promete ficar no sítio o dia todo. Pois que sim, porque não. Tenho imensa pena de ser um tom mais escuro que o da minha pele, mas assim que estiver morena, passa do contorno do rosto para todo o rosto, fica prometido, mesmo porque é tão leve que dispensa o uso de pó, o que é ideal para o tempo quente.

§ Onde andas tu, tempo queeeeeennnnnnteeeee? Desculpem o desabafo, mas estou à morte com este tempo... §

Recomposta e voltando ao que interessa, por fim, trazia uma máscara para as pestanas. Cumpre muito bem, nada a assinalar. A máscara é daqueles produtos que tanto se pode acertar com uma de supermercado como com uma de perfumaria, desde que a escova e a textura da máscara venham ao encontro do que cada uma de nós quer das suas pestanas. Como eu quero alongamento e separação, não volume, preciso de uma boa escova separadora, preferencialmente de silicone, mas esta também me deixa contentinha, é uma óptima aquisição para o necessaire de viagem. Desde que não seja à prova de água, por mim tudo bem. Porque se for à prova de água, ou de "longa duração", os olhos de panda ao acordar são garantidos, é terrível!

Investimento feito, e penso que compensado, estou fã!

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Eu e os meus meninos, com a Brígida Brito

Os meus meninos e eu, na luz fantástica do novo estúdio da querida Brígida Brito, a abrir portas naquele mesmo dia, numa acção de solidariedade a favor da Fundação do Gil, e com a participação de um alegre e soalheiro cavalinho Gema. Mesmo a combinar com a boa onda e alegria daquele dia tão especial.








Vejam mais deste dia tão giro:


terça-feira, 27 de maio de 2014

Giveaway Lusa Mater & As Maravilhas da Maternidade

Esta semana temos um giveaway diferente, a pensar nas nossas casas e em pequenos momentos de prazer, a dois e em português, numa conjugação ideal de design, bem estar e funcionalidade. Amei e estou convencida que vão gostar também!

Em parceria com a Lusa Mater, temos para oferecer um conjunto de Pequeno Almoço a 2 "The Whistler", em azul e cortiça, da Alma Gémea. O Assobiador (“The Whistler”) é o nome do maior e um dos mais antigos sobreiros do mundo, que se encontra situado na região do Alentejo. Nesta linha a cortiça envolve a faiança tal como envolve o tronco do sobreiro e as formas são inspiradas pela olaria tradicional do Alentejo. O resultado é fresco e muito giro!










Assim, para se habilitarem a ganhar este conjunto, basta seguir os seguintes passos:

- Registo na plataforma Lusa Mater - htpp://www.lusamater.pt - ficando a par das últimas novidades em produtos e designers portugueses - ora leiam abaixo algo mais sobre esta plataforma *

- "Gosto" na página de Facebook da Lusa Mater e d As Maravilhas da Maternidade;

- Partilha em modo público deste post;

- Deixar um comentário neste post com o link da partilha e o nome e email de contacto.



* A Lusa Mater é uma plataforma de divulgação e comercialização de produtos e designers portugueses, criada com o objetivo de valorizar os produtos portugueses. É um eixo que liga designers e compradores, sempre com uma grande dose de entusiasmo e um olhar atento sobre as últimas tendências e novos criadores.

A Lusa Mater traz-nos diariamente uma seleção de produtos portugueses, sejam eles das tradições de ontem ou de amanhã. Percorrem-se os cantos de Portugal à procura da qualidade, tradição e originalidade que definem os seus produtos. Conta-se as histórias, mostra-se esta gente com quem trabalham. Afinal, a Lusa Mater dá a conhecer o que acreditam ser o melhor de Portugal.

Nesta loja, só não vendem saudade!

Podem participar até dia 2 de Junho, às 23:00 horas. Sorteio via random.org entre os comentários. Três participações por pessoa. Apenas enviamos o prémio para vencedores em Portugal. 

Boa sorte a tod@s!

{21/52}

Em dia de eleições, o nosso dever cumprido. Pelos meus filhos, que a Europa saiba tomar conta de si e os homens não a destruam, isto não vai por bom caminho... 



A portrait of my children, once a week, every week, in 2014. 

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Sneak peek à sexta-feira passada com Joana Bento Glamour Photography

Entre o teaser e o making of, ficamos antes com uma bela espreitadela à manhã de sexta-feira, passada de forma diferente do habitual, na companhia de duas meninas muito especiais.
Primeiro passei pelas mãos da super talentosa Vanessa Neves da VforBeauty , que tratou do cabelo e maquilhagem para uma sessão fotográfica única, com o olhar super especial da Joana Bento, que tem um projecto fantástico e arrojado, a pensar no melhor que cada mulher tem em si, que têm de conhecer!




Foi o máximo e acabou tarde, nem demos pelas horas passarem!

Enquanto eu própria não descubro o resultado desta manhã, conheçam melhor o conceito da Joana Bento Glamour Photography, para dias especiais a que todas temos direito!

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

Sorteio das vencedoras Giveaway As Maravilhas da Maternidade & Yves Rocher

Finalmente podemos anunciar as vencedoras deste passatempo, mesmo mesmo a pensar nas desgraças que queremos eliminar este Verão! Venha a ajuda, que bem precisamos!
Muito obrigada por todas as vossas participações neste sorteio, em parceria com A Sua Beleza - Yves Rocher, vamos então ver quem foram as vencedoras?


Eu já recebi o meu kit, e quero começar a usar esta semana, depois darei o meu feedback sobre a utilização do kit, mas também espero pelas vossas opiniões e experiências!

As vencedoras poderão contactar através do email 
conselheira.asuabeleza@gmail.com 
para combinar o envio do kit.

Obrigada a todas as participantes e logo à noite teremos novo passatempo!


sábado, 24 de maio de 2014

As Maravilhas da estação, na Pumpkin

Fui convidada pela querida Mariana da Pumpkin a dar algumas sugestões de peças must-have para este Verão, para kids e mums. Ou seja, para meninOs, bebés e eu. Acabo por reflectir exactamente os must haves para mim e os meus pimpolhos, dentro das tendências da estação, mas é impossível não ser uma escolha mais que pessoal.
Lembrei-me logo de peças que tenho adorado ver em tons aqua, menta, cinza claro, muito frescos e muito Verão, a tentar trazer o mar e a praia para o nosso dia-a-dia. Aqui estão as minhas escolhas top, que eu já tenho ou estão no topo da minha wish list:


Para os bebés: Tapa fraldas são o mais fresco e amoroso assim que vem o bom tempo. Sem meias - não há nada mais comestível que uns pézinhos papudos! -, tapam a fralda com a maior eficácia e simplicidade, facilitando imenso na hora de trocar a fralda. Estes são da Ma Petite Princesse, que tem peças lindas para menina e menino. Para os dias mais frescos, o cinza do Inverno continua por cá, neste macacão lindo, também Ma Petite Princesse 


Must have para os meninos mais traquinas -  Túnicas leves, em tons frescos de aqua e a lembrar o mar: túnica aqua Coobie ,túnica com capuz (faz a diferença!) Dot. Também em calções de banho, com um piscar de olhos às flores, que também adoro ver para rapaz: calções de banho Dot. Para a melhor brincadeira de Verão, não pode faltar um pião Carrossel!

 Para as mães:
- Franjas, muitas franjas! Na carteira, na túnica, ambas Wearable

- As alpercatas continuam em força, ano após ano. Para quem queira um estampado diferente, procure entre as sugestões super divertidas da Miss Hamptons. Estas, em tom menta, são ideais. 
- Para o escritório e a cidade, a tendência este ano em sabrinas: pontiagudas. Estas, em estampado piton, um verdadeiro neutro, dá com todas as cores, são da Zara.
- O must have em óculos de sol: Clubmaster, da Ray-Ban, ou outros óculos com destaque na parte de cima da armação. 

Visitem a Pumpkin.com e estejam sempre a par das últimas novidades, programas e tendências para toda a família!

quinta-feira, 22 de maio de 2014

§ 20/52 §

A semana passada dos meus meninos.
A primeira semana de óculos do Pedro

Foto: Pedro Viegas

A primeira semana do Miguel enquanto meu companheirinho de treino. É o peso extra na minha corrida. É um nível 12 de dificuldade, obrigada meu rico filho.


A portrait of my children, once a week, every week, in 2014.


Acorrentar tudo!

Eu adoro ver o Shark Tank, na Sic Radical. É um programa divertido, com ideias e produtos fabulosos ou inenarráveis e aprendo ainda qualquer coisa (muita!) sobre negócios e empreendedorismo. É um grande programa.
Uma das coisas que não resisto fazer é googlar os negócios que de lá saem, só para ver em que pé estão. Um dos últimos que googlei foi a marca Litter de umas manas muito tudo que faziam adornos super originais em corrente, com uma vibe muito urbana, intrincada e com um toque subversivo. Adorei essa mistura de originalidade, relativamente ao que se vê habitualmente, mas com reminiscências quase medievais ou místicas, uma mistura muito interessante, para pessoas e ocasiões especiais e pontos de grande interesse. É sem dúvida uma área a explorar, adornar partes do corpo diferentes do habitual e de formas diferentes do habitual.

Quando vi o que andavam a fazer gostei tanto que recolhi algumas ideias, aqui ficam. As peças para o cabelo resultariam lindas em ocasiões super especiais, em casamentos, por exemplo. Fica a ideia para as meninas casadoiras. Littersf.com
















Adorei!

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Globos de Ouro!! XIX desfile de variedades, obrigada!!

Então, ainda não tinha dito nada sobre os Globos de Ouro! Tendo perdido o live blogging, de todo impossível no Domingo, a coisa perdeu um bocado a piada, porque, vamos combinar, aquilo já é o que é ao vivo, em diferido, é constrangedor. Mas... saindo as fotografias oficiais, quem consegue resistir em registar os melhores da festa? Para o bem e para o mal, aqui ficam algumas pikenas considerações póstumas (literalmente):


 Bem, logo a abrir, vamos já despachar a maior tendência da noite: costas, costas, rabo também, inveitavelmente, costas. Mas, nem tudo na vida são costas, e deixam muito a desejar quando a parte da frente falha. No caso de Diana Chaves, não há costas delineadas a palletes prateadas que salvem a frente disforme. Nem a perna Angelina nem o decote malandro até o umbigo como quem não quer a coisa. Major fail, parecia ter mais 10 kg em cima, quem quer isso? Eu não!


 Já estas costas, são menos profundas, e mostram como não precisamos de costas quilométricas para ter um vestido naughty. Ajuda a silhueta elegantérrima da Ana Marques, mas o vestido preto, sem denunciar à partida , é muito malandreco! Aqueles cortes todos, muito bem recortadinhos, são muito malandrecos indeed. Andaram ali umas traças a comer tecido e uns ratinhos a atar uns nós (sim, por baixo do derriere, a apertar as laterais, não perguntem mais, também não percebi), mas sem fada madrinha para tules e pérolas, esta é uma cinderela dos tempos modernos, mais bondage que cabage. Com tanto corte, que é feito da cuequinha, sua doyda!? Ai...


A maior frustração

Acordei com a chuva. Estando eu constipada e o baby também, rapidamente tirei o sentido da corrida de hoje.
Entretanto, parou de chover. Entretanto, abriu o sol. Talvez ainda conseguisse, talvez! Tomei uma decisão rápida, arranjei-me em minutos, mas ainda tinha de tratar do baby.
Troca roupa, troca carrinho, troca fralda.
Corremos porta fora, ainda estava sol!

Dez segundos depois, começa a chover.
Não há palavras decorosas para a conclusão.
Vou mas é começar a tratar do almoço, estou FARTA FARTA FARTA que comece a chover no preciso momento em que ponho os pés fora de casa. Foi assim todo o Inverno, vai parar quando? Quando os miúdos forem para a faculdade?
FARTA

UPDATE: Afinal consegui fazer o meu treino! Houve mais uma aberta e lá consegui fazer-me à estrada! Ainda não falhei nenhum treino para os 10 km Unicef

Para fazer parte da equipa Maravilhas e vir correr connosco os 10 km Unicef, em Lisboa, no próximo dia 6 de Julho, escreva para asmaravilhasdamaternidade@gmail.com

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

terça-feira, 20 de maio de 2014

Partilhar

Depois de uns dias de adaptação do Miguel, posso dizer que estamos os dois muito felizes e contentes com o fim da amamentação. No entanto, apesar de já ser um bom conhecido do biberão, e apesar de andar impaciente e trapalhão comigo, ainda assim estranhou o fim da amamentação e continuava a procurar institivamente e a não querer simplesmente tomar o leite ao lanche. Fiquei surpreendida, mesmo porque com o Pedro, a partir do momento em que acabou, para ele foi como se nada tivesse acontecido. Mais uma coisa que nos irmãos foi diferente.

Apesar das diferenças entre experiências que já tinha referido aqui, ainda assim, passei ao largo de mastites, subidas de leite cabeludas, engorgitamentos (excepto um stress de 24 horas, mas lá me safei de boa), gretas e outras coisas das quais não quero saber. 
Não querer saber para mim é fácil, pois nunca tendo tido necessidade de saber, também não me é obrigatório. Mas acontece que, quem por isto passa, muitas vezes, depois de sair dessas embrulhadas, também não quer mais saber, só para não ter de voltar a esses tempos, o que é perfeitamente legítimo - quem quer voltar aonde foi infeliz? 
Infelizmente isso em nada ajuda quem ainda vai passar por isso. E o mais provável é passar. É chato para quem passa por isso, pois devia haver mais partilha destes problemas e desafios, mais divulgação, para que se saiba que estas coisas fazem parte da amamentação. Que pode ser bom, pode ser belo, apesar destes problemas. Que podem ser estes problemas a estragar uma ideia romântica que se pudesse ter e a fazer cair na real muitas mães convencidas de que com elas será tudo muito lindo. Que são estes problemas que tornam, pela sua superação, tantas mães tão agarradas a esse ideal, ou tão desiludidas com ele. Mas de facto, não tendo sido meus desafios, não sei como são, e não quero mesmo descobrir por experiência própria... 

Mas convido-vos a partilhar as vossas (más) experiências (ou realistas? Ou reais?), para troca de cromos. Para informação de quem não tem ideia do que por aí vem. Não para assustar ninguém, mas por que las hay, las hay!

Eu prometo que hei-de falar nos próximos dias sobre como lidei com as minhas "dores tortas", com a subida do leite e os dois engorgitamentos. Hoje ainda não...

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE


 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Batalha de irmãos

Um com sete meses, outro com três anos e meio.
Os meus filhos, cada um na sua idade têm coisas encantadoras. Às vezes, não sei qual dos dois é mais amoroso:

- Um chora quando tem fome, o outro diz "tenho fome!". Claramente ganha o mais velho.
- Um chora e não dorme, o outro inventa mil e uma histórias e não dorme. Empate, eu tenho sempre de me levantar, mais cedo ou mais tarde.
- Um não sai do mesmo sítio, tem de ser carregado para todo o lado, o outro corre descontroladamente. Ganha o mais novo, com distinção. E prefiro o braço dormente.
- Um baba-se, o outro tem "acidentes". Apesar de estarem ambos na categoria de "ewwww", sempre prefiro tocar num babete molhado do que numas calças molhadas.
- Um bolça, ao outro falha a pontaria. Empate, ambas causam imediato revirar de olhos e rosnar.
- Um tem sessões de choro, o outro tem sessões de birra. Ambos estão na categoria de "lágrimas-que-não-comovem-ninguém-apenas-me-amofinam, mas ganha o mais velho, porque às birras posso dar cobro com umas palavrinhas bem metidas, certas sessões, não há nada que me valha.

Conclusão: ambas as idades são igualmente fofinhas, gosto de ambas por igual, não me peçam para escolher...


AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

World Baking Day - Ontem!

Este fim-de-semana não parei! Mas não podia deixar de assinalar o World Baking Day - dia 18 de Maio - da melhor forma possível, saboreando um delicioso bolo.
Mas eu sou boa a saborear a obra alheia, não a própria. Eu não sou mais bolos. De facto, a melhor forma de garantir, primeiro, um bolo - o simples aparecimento de um bolo, pelas mãos de alguém -, segundo, um BOM bolo, um que não fosse duro (check), mal cozido (check), queimado (check), ou ainda com pedaços flutuantes de gelatina (check), foi deixar essa obra nas mãos da minha mãe. As mães salvam sempre a situação, não é? E não é por nós próprias sermos mães que as nossas deixam de nos salvar. Pelo contrário, salvam ainda melhor, pois se são mães a dobrar! Eu apoio totalmente. Sem dúvida.
Mais! Apoio a participação do pai também, que forneceu o material e o olho para os ângulos fotográficos, e registou o momento para a posteridade.
Este foi verdadeiramente um post familiar e transgeracional. A avó fez, o avô registou, eu provei - sem pôr em risco a minha severa austeridade alimentar (ahã...) e todos nos deliciámos, neto mais que todos! É o poder de um bolo!

Os ingredientes e o desafio, obrigada Vaqueiro!

 O resultado, ideal para uma tarde em família

A receita, tarte de maçã. Simples!


sexta-feira, 16 de maio de 2014

Passeio em família

Um sol radiante mas muito vento, imenso vento, até para nós, costapratenses veteranos! Nesses dias, para esquecer completamente o vento sem abdicar do bom tempo, vale mesmo a pena embrenharmo-nos pelos jardins de Serralves, porque assim que se começa a entrar pelas árvores e a descer pelos caminhos, acabou-se o vento, entramos num microclima super agradável.



Lembrando o Domingo tão bem passado, em passeio de família por Serralves e com um final de tarde que ainda vão ver e eu também (mortinha por receber as fotos...), amoroso ao máximo e por uma óptima causa.


Primeiro treino

Não foi bonito. Isto assim não tem jeito nenhum, mas foi o único jeito que tive. Não fui capaz de me levantar às 7 da madrugada para correr. O baby anda a fazer umas noites espetaculares em que apenas acorda lá pelas seis e tal, dou-lhe a chupeta e ele só volta a acordar às 8 e muito. Não fui capaz, fiquei a dormir.
Assim sendo, tive que ir correr com ele, o que não ajudou nada num treino que eu sabia que me ia deixar de rastos. E se deixou. Não consegui chegar aos 2km em 20 minutos, não consegui correr sempre e a parva da app disse-me que eu falhei por não ter mantido um ritmo constante. Desculpe qualquer coisinha, senhora maquineta. ("failed" !! isso é coisa que se diga a quem está completamente arrebentada por ter corrido atrelada a mais de 10 kg?! Enfim.)



Isto está muito complicado, no que é que eu me fui meter! Ainda assim, no final, mesmo tendo falhado, ganhei à Inês que ontem não correu. Chegar ao fim do treino sabe muito melhor do que dormir mais um bocado. Quem não corre tem de dar um desconto a quem corre e parece ficar obcecado por isto. É que eu sinto-me uma fucking rock star quando finalmente acabo o treino.

Domingo vou fazer o treino sem atrelado, aí é que vai ser!

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

quinta-feira, 15 de maio de 2014

#desafiounicefmaravilhas Apps de treino

Claro que tinha de haver apps ao barulho, eu sou a croma das apps!
Tinha de encontrar um programa de treinos para correr 10k em 6, 7 semanas no máximo, que me dissesse quando correr, quanto tempo, que distância. Claro que haveria uma app à minha espera...
Pois então, depois de aturada busca dentro dos meus apertados requisitos - ser à borla, ser maneirinho, ser muito personalizável, encontrei o que queria, mas não foi fácil. Todas as apps que encontrava estavam formatadas para 10 semanas de treino, mas quem tem 10 semanas para treinar? Eu não.

Então encontrei exactamente o que procurava: Gipis

Escolho entre dois ou três treinos por semana, incluindo o dia de corrida mais longa. Escolhi treinar às quartas, sextas e domingo.


Tem a secção de "physical data" toda catita. Estou com 64 kg para 1,69. 
Quero voltar aos meus 54!!

Tem cronómetro e GPS para medir distâncias e percursos. Básico.

E amanhã vai ser o primeiro dia de treinos.
Lucky me!

Mais apps de treinos, aqui. As da Nike são muito boas, mas para quem queira apenas mapear corridas e fazer teeinos totais. Esta app é mais para o plano de um objectivo concreto. O meu caso.

Quem quiser juntar-se à equipa Unicef 10k As Maravilhas da Maternidade, escreva-me para asmaravilhasdamaternidade@gmail.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...