INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

The Good Enough Parent

O meu querido marido partilhou comigo este documentário, com a participação de vários actores, realizadores e produtores, todos amigos de Hank Azaria, um actor americano que começou um documentário sobre o que leva um homem normal, uma pessoa aparentemente sã, a ter filhos e acabou por fazer um documentário sobre tê-los e mantê-los, porque ele próprio "engravidou".

São relatos tão reais como aqueles que acontecem a nós, ao pai das nossas crianças, contados de forma ora divertida, ora emocionada, ora dorida. Como se quer a parentalidade, afinal. No fundo, somos levados a concluir que todos temos semelhanças enquanto pais, ou que a todos nós a parentalidade atinge como uma parede em tons pastel e que não temos de ser perfeitos, pelo contrário, o nosso melhor, na sua imperfeição, é mais que o suficiente.
A perfeição, a inexistência de erro, não cria músculo emocional. Just enough is enough.

Aqui ficam os vídeos e, no final, o trailer.





Adorei, obrigada, meu amor.

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Verniz gel + verniz = PERFEITO

Agora que eu estou de pedra e cal no verniz gel homemade , o que é que faço à minha coleção interminável de vernizes?


Pois que continuo a usá-la, e mais que nunca!
O verniz gel é uma óptima base para a aplicação de verniz normal. A unha é lisíssima, o verniz não estala ou lasca, e na maior parte dos vernizes, basta uma passagem para a cor ficar perfeita.
Por isso mesmo, quando encomendei o meu kit, encomendei como cor o branco leitoso, o nº 219. Não só é um óptimo tom em si, como é uma óptima base para qualquer outra cor que se queira mais tarde aplicar por cima. E como eu gosto de variar, assim posso fazê-lo sem problemas. Além disso, como se trata de verniz gel, não nos podemos dar ao luxo de reparar sem mais qualquer imperfeição, convém que a coisa fique bem à primeira. Ora, um tom mais claro é muito mais fácil de trabalhar e disfarçar as imperfeições.

O único cuidado que se deve ter é, ao remover o verniz, fazê-lo com removedor de verniz SEM acetona, porque a acetona é a única substância que consegue beliscar a durabilidade do verniz gel, usando-se para retirá-lo.

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Farta de fluidos

Farta de xixi, cocó, leite, bolçado, lágrimas, vomitado, saliva, sangue, ranho. Todos os dias, todo o dia!

Eu gostava que os 70% de água de que se compõem os corpos dos meus filhos se aguentassem melhor dentro do preciso corpo dos meus filhos e não estivessem sempre a tentar escapulir-se cá para fora sob as mais variadas formas, cada uma melhor que a outra. Ou então, sempre seria mais simpático se viessem à baila sob forma de água, só para ser mais original. Farta de fluidos.

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

Mi Blog es tu Casa: Prevenir estrias na gravidez: cosméticos bio e outras soluções naturais

Pedi a uma querida amiga, especialista em receitas saudáveis, vegetarianas e temperos caseiros, no delicioso Receita para Tudo,  para vir aqui falar às Maravilhas, não de receitas saudáveis (mas fica já aqui o pedido de um best of!), mas sim de cosmética alternativa às marcas e produtos que estamos habituadas a ver, nos cuidados a ter durante a gravidez contra as estrias. Ora aqui fica o testemunho verdadeiramente alternativo desta natureba mom to be, que está quase, quase a ter bebé:


Há muito que tenho prometido à minha amiga Inês um post sobre cosméticos naturais na gravidez. A verdade é que o tempo tem sido tão escasso para pôr tudo em marcha que só agora - que estou a chegar ao fim do tempo - me  foi possível cumprir esta promessa.

O objectivo deste post é dar a conhecer alternativas de hidratação para prevenção de estrias na gravidez com cosméticos os outras soluções virgens/naturais que excluam parentes químicos.

Ora todas sabemos a importância que a hidratação da barriga (e não só, coxas e nádegas estão também incluídas) na gravidez para a prevenção de estrias. Talvez fosse importante começar por referir que uma hidratação completa se deve fazer “por dentro e por fora”, isto é, não é apenas com o recurso a cremes e óleos que esta hidratação se faz. Se não hidratarmos bem o nosso interior com água, muita água, (e aqui a água impõe-se sempre aos diuréticos como por exemplo o chá), não há milagres...

Relativamente aos cosméticos biológicos, apresento duas alternativas de uma marca que consumo e que gosto muito: a Mádara. São eles o Mádara Nourishing Cream e o Sculpturing Oil.

Mádara Nourishing Cream

O Mádara NourishingCream, não sendo um creme um gordo, é extremamente nutritivo e rico graças ao extracto de artemísia que deixa a pele mais suave e aveludada. É um creme especialmente indicado para pele seca e por isso rapidamente absorvido não ficando nada ao nível da epiderme, o que facilita o processo de vestir da roupa logo de seguida.

O Mádara Nourishing Cream custa 15€ e eu costumo adquiri-lo na Organii mas também dá para encomendar aqui. Infelizmente não vos posso dizer que dure muito tempo, ao contrário das restantes soluções este creme tem uma duração mais curta (com aplicação diária pouco menos de um mês).





É um óleo de corpo suave e aromático com extractos vitamínicos de rosa mosqueta e cevada que previne o aparecimento de estrias, deixando a pele macia e acetinada. Este óleo está especialmente recomendado para uso durante a gravidez. Ideal é aplica-lo logo a segui ao banho sem enxaguar totalmente o corpo pois ele funde-se com as gotas do corpo e dilui-se muito bem não deixando a pele com efeito oleoso.

O Mádara Sculpturing Oil custa 23€ e possui uma duração longa. Eu compro na Loja Organii mas pode ser encomendado também aqui na Organii Online




Relativamente a outros parceiros totalmente naturais, são eles: o Óleo Vegetal de Rosa mosqueta, o Óleo de Coco Biológico Virgem e a Manteiga de Karité (em bruto).

Óleo de Rosa Mosqueta Bio

É um poderoso aliado no combate a estrias (e a rugas também). Pode ser usado  sob a forma de óleo massajando as zonas críticas ou adicionado a um creme (umas gotas apenas para o enriquecer).

Eu uso esta marca - Cattier - e compro no Celeiro mas penso que pode ser encontrado em qualquer ervanária. É importante ressaltar que não é um óleo essencial mas sim um óleo vegetal.. Como sabem as grávidas não podem usar óleos essenciais. O preço é 16,05€ mas um frasco dura muitíssimo tempo uma vez que só se usam umas gotas de cada vez.



Óleo de Coco Biológico Virgem

É um óleo 100% natural de cor branca pura sem ter sido desodorizado ou fraccionado. O Óleo de Coco é facilmente absorvido pela pele, mantendo-a macia sem a deixar gordurosa.

Eu compro o meu online na loja Naturessima mas julgo que também pode ser encontrado em ervanárias. O preço dele é 14,80€ e tem uma durabilidade muito grande.


Manteiga de Karité
Rica em vitamina A e E, com uma textura suave, a Manteiga de Karité retém a humidade e elasticidade da pele e possui uma capacidade de hidratação extra e ajuda no combate às estrias. Também pode ser utilizada para ajudar o tratamento de queimaduras, feridas e cicatrizes, para além de diminuir as rugas, promover a regeneração celular e aumentar a circulação.
Eu uso em bruto pois tenho a sorte de tê-la directamente da origem - a 3€/kg - da Guiné. Cá em Portugal nunca vi à venda em casas de cosméticos ou ervanárias, no entanto fiz uma pesquisa online e descobri esta Manteiga de Karité do Senegal neste site onde me parece ser possível encomendar.



Os dados ficam assim lançados, o importante não se esqueçam é hidratar “por dentro e por fora”, uma vez mais insisto, de manhã e à noite, e depois intercalar a utilização de cremes e óleos de acordo com os vossos gostos e hábitos diários. Não há segredo nenhum!


AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

domingo, 26 de janeiro de 2014

§ 4/52 §




§ Os manos §
O Pedro gosta imenso do maninho, adora dar-lhe beijinhos e mostrar-lhe os seus brinquedos. O Miguel, cada vez gosta mais do mano, ri-se para ele, olha atento, vai aguentando as suas investidas viris mais e mais rijo. Já não falta muito para começarem à batatada, de igual para igual. 

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

O pior look de grávida da temporada

Está o título dado. Não que eu andasse à procura, mesmo porque a tendência é sermos sempre benevolentes e solidárias com as escolhas ou limitações de uma grávida, ou pelo contrário, eu vejo-as sempre resplandecentes e cheias de graça, ainda que não no seu melhor. Uma grávida carrega o futuro da humanidade, haja respeito e apoio!

Mas o que é demais, é demais, e a querida Kerry Washington, de tão fashion, caiu da passarela!
Eu ainda lembro bem o vestido que ela usou nos Golden Globes. As abas laterais eram originais e favoreciam a sua silhueta, apesar de as pinças no peito estarem estranhamente deslocadas. Foi um vestido bem, mas que podia estar melhor.
Agora, nada fazia prever isto:



É fabulosa, mas desta vez vacilou!!

Sim, a KW usou uma saia às pregas em seda, comprida mas que lhe dava pelos tornozelos, que lhe assentava em bruto no ponto mais largo da barriga, com um crop top, aberto dos lados e que deixava à espreita, além da barriga, o soutien.
Ora aqui está a pior PIOR pior combinação que uma grávida pode vestir, cada detalhe mais terrível que o anterior! Nem se delineia a barriga, nem se esconde a mesma, apenas mostra-se a parte mais estranha, parecendo que nem se está grávida, apenas com uma grande barrigada... E mais não digo, fiquei chocada.

Mas, para que a KW não se sinta mal, aqui ficam mais algumas pérolas:


Inesquecível, este ficou gravado na minha memória a ferro em brasa! 



AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Operação Nighty Fralda Be Gone II - A Continuação

Pergunta uma querida amiga e pode perguntar mais alguma de vocês, então e como está a correr a Operação Nighty Fralda be Gone?

Pois que está a correr, pois está. Às vezes bem, outras vezes nem por isso...
Que o Pedro está decidido a não mais usar fraldas, está, o que nos põe animados nesta luta e num ponto de não retorno. Não mais o Pedro usará fraldas!
Ele diz que está crescido, que fraldas são para bebés e nós reforçamos sempre essa ideia. Mas também reforçamos que eu e o pai não fazemos xixi na cama, que quando temos vontade de fazer xixi nos levantamos e vamos, e que ele deve fazer o mesmo, chamar por nós ou levantar-se para ir sozinho (ele já vai de dia, algumas vezes, outras ainda gosta de companhia...).

Algumas vezes acorda da sesta seco, outras não. Fica um pouco encolhido e cabisbaixo e nós damos muitos consolo, mas já não dizemos que não faz mal, antes prefiro dizer que da próxima ele vai tantar fazer melhor, não vai? Siiiiim Que é crescido e que vai correr bem, da próxima vai correr melhor. E na maior parte das vezes corre, mas de vez em quando lá vem um deslize.

À noite também tem havido deslizes, mas cada vez menos, e menos do que nas sestas, curiosamente. Continuamos a levá-lo de madrugada à casa-de-banho, o que é fundamental para o sucesso na manhã seguinte, mas ainda assim não é garantia.
Não sei se resulta ou não, mas na noite anterior nós sempre lembramos que vamos tentar muito muito aguentar o xixi, e se acordarmos com vontade, o Pedro chama os pais. Siiiim. Não sei se resulta, mas ele fica galvanizado, a nossa torcida é forte!

Uma coisa que estávamos mesmo a ver que ia acontecer, aconteceu. O Pedro usa e abusa do "Quero fazer xixi!!!!!" para não dormir. É uma seca. À primeira, levamos. À segunda, levamos sem conversa, sem grande interação. À terceira, não levamos e somos duros, se ele fizer xixi de propósito, volta para as fraldas! E acabam-se ali as chamadas para ir à casa-de-banho, porque da primeira e única vez que ele fez de propósito (ele confessou logo a rir, muito contente com o seu feito, mal ele sabia!) caiu o Carmo e a Trindade, eu e o pai ficámos super bravos e demos-lhe um grande raspanete. Uma coisa é um deslize, outra bem diferente é fazer de propósito, nós conseguimos perfeitamente distinguir entre uma situação e a outra, ele também, por isso são situações tratadas de forma diametralmente oposta.

E vamos andando assim, sempre a verificar o resguardo, hoping for the best, expecting the worst. Este fim-de-semana foi uma desgraça, três deslizes, mas desde Domingo que nunca mais se passou nada, por isso, nós chegamos lá!
Vale mesmo a pena, por tudo, mas sobretudo por ver o contentamento do meu menino quando de manhã lhe pergunto se acordou sequinho e ele me responde, todo contente SIIIIMMM. E remata com um "Eu sou muito crescido, muito forte!" Pois és, filho, és o maior.

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

E tu, bebé Miguel?

Onde estavas tu na tua primeira passagem de ano?!

A crashar a passagem de ano dos meus pais, acham que eu ia deixar passar uma oportunidade dessas para estar acordado?! 


É que nem pensar!!

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Verniz gel DIY (Rima e é verdade!)

Como é que eu consegui uma mani de verniz gel ao serão de fim-de-semana, no recato do meu lar?!
Ora, porque pus mãos à obra e did it myself!


Para quem esteja habituada a fazer as unhas em casa e tenha jeitinho para a coisa, o verniz gel caseiro é a next best thing, sem dúvida.
A durabilidade e acabamento do verniz gel são imbatíveis, as unhas estão sempre impecáveis, com o brilho do primeiro dia, ao longo de dias e dias (por mim, até duas semanas, mais que isso, acho que fica inestético), mas a obrigatoriedade de manutenção no salão, com o que implica de custos e disponibilidade, são os grandes contras. Quando eu mais preciso de uma solução permanente para as unhas (mani impecável + babys = impossível) é quando tenho menor disponibilidade para ir ao salão e menos pachorra para me organizar nesse sentido. Mas se o conseguir fazer em casa, boa!

Recentemente começaram a aparecer no mercado alguns kits de verniz gel para fazer em casa, como da Nails4us ou da Essence. Também pode encontrar-se avulso ou kits compostos com tudo o que é preciso, à venda em lojas online e físicas de produtos de estética e cabeleireiro. Seguindo a sugestão de uma leitora, fui parar a este kit da loja online Presença de Luxo e pareceu-me a melhor relação qualidade/preço - investimento baixo, produtos de qualidade. Se não corresse bem, não perdia muito, apenas duas sessões de manicure. Se corresse bem, estaria lançada! Comprei também um bloco polidor e um removedor de verniz da Andreia (acetona, basicamente). O kit chegou passados dois dias e usei assim que pude, claro!

O kit não trazia instruções, mas é super fácil encontrá-las online ou mesmo vídeos com tutoriais. Trazia o catalisador (o forninho), um primer, uma base e top coat, uma cor de verniz gel e o removedor de vestígios, tudo da marca bem portuguesa, Andreia. Mais uma vez, uma maçarica das unhas deve ter cuidado, eu não me responsabilizo rsrsrsrs.
Segui estas instruções, tal e qual:



Lá está, para quem esteja habituada a lidar com manicures, é canja. O catalisador foi fácil ds de usar, e funciona, YEY!! Fiz primeiro tudo das quatro unhas de cada mão e depois cada polegar, como na manicure normal.
Agora, falta saber quanto tempo dura, mas estou em crer que terá a mesma duração das que são feitas em salão, o que, no meu caso, pouco passará das duas semanas, porque não gosto ver o crescimento da unha. O que mais me preocupa, no entanto, é a remoção... limar verniz, pratas e pauzinhos de laranjeira não são o meu forte, mas se tudo correr bem, é coisa para me enervar apenas daqui a duas semanas, nessa altura penso nisso!

Para quem queira conhecer outra experiência, com outra marca, leiam a da Sara, que me deu o empurrão final para me lançar no verniz gel, obrigada!!

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

domingo, 19 de janeiro de 2014

{ 3 / 52 }



Diversão preferida do fim-de-semana - andar de bicicleta. Já faz grandes sprints, pena ainda não dominar isso de usar os travões...

Antes da constipação, num mar de azul, um passeio aproveitando o pouco sol com que esta semana nos brindou

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Lembrando São Gonçalinho


Reza a lenda que São Gonçalinho ia levar pão aos habitantes das Gafanhas junto a Aveiro, zona onde antigamente viviam leprosos. Para evitar o contágio da lepra, diz-se, São Gonçalinho atirava o pão de um alto. Também há quem diga que fez o milagre de atirar madeira que se transformou em pão, daí as cavacas serem duras, mas saborosas. Seja como for, do envio de pão ter-se-á passado às cavacas que hoje são atiradas do topo da capela erigida em 1714 nos dias de festa pelos devotos em promessa. Cavacas doces do açúcar mas compridas e duras. Acontece todos os anos, no fim-de-semana por volta de 10 de Janeiro. 

E que duras são! Mas que divertido é apanhá-las! Passámos um fim de tarde bem divertido, a tentar que as cavacas não nos acertassem, ao mesmo tempo que as tentávamos apanhar. Para o ano, vamos também nós atirar as nossas cavacas do alto da capela!
Quem mais lucrou foi o Pedro, que ainda teve direito ao seu primeiro balão metalizado e andou em êxtase até hoje.







Ainda houve tempo para cuscar o soundcheck dos GNR e cruzar-me com o Rui Reininho, mas infelizmente não vi o baixista, que ele sim, é o giro do grupo! Também nos cruzámos com a super divertida SMS e ainda vários amigos nossos, foi uma alegria!





segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Golden Globes 2014

Algumas impressões, que a noite de ontem não deu para mais:

As grávidas:

Mais do que por ainda estar para aí virada, eu gosto sempre de ver como as grávidas se desenvencilham numa red carpet. Ao mesmo tempo que deve ser mais complicado encontrar um vestido que lhes fique bem, também deve ser libertador, porque tudo se lhes perdoa e o melhor acessório já elas trazem na barriga.  "Serve, está feito, next!" E elas são irresistíveis, eu gosto sempre de as ver!

Desta vez, temos a Kerry Washington, a Olivia Wilde e a Drew Barrymore

Kerry: o corte mais original, gostei da ideia daquelas laterais a sair do peito, mas infelizmente tinha umas pinças que estragavam completamente o decote, resultando muito apertado e disforme, o que foi uma pena.

Drew Barrymore: o vestido mais mommy-dança-da-primavera, fofinho como a própria Drew. Mas aquela manga... quem é o responsável por aquela manga apertada e cortada a direito em cheio na parte mais larga de todo o braço? Ninguém merece, muito menos uma grávida a braços com uma segunda gravidez e uma toddler em casa! Só isso explica lhe ter escapado tal argolada.

Olivia Wilde: a mais elegante, arrojada, sexy, tudo e tudo de bom
mas...
 é inevitável, eu não consigo olhar para a rapariga que logo me lembro...

da Cuca!

A deusa:

não é preciso dizer mais nada, pois não? O céu, a Cate é o céu!

O estranho caso da rapariga que tinha 22 anos e aparentava ter 40:

Emma Roberts, vive um pouco, não tenhas medo de ser feliz! 

A miúda tão fora que acertou em cheio:

 Psst, Emma Watson, fofa, tens o vestido aberto como uma bata de hospital e ficaste com os collants à mostra. Não espera, são calças. Não, espera, foi de propósito! Ok, ok... Olha, até é interessante. Agora que te vejo de frente, perdoo tudo a essa carrinha laroca, só se tem vinte e poucos anos uma vez na vida. Ouviste, Emma Roberts?

A desleixada:

 Uma camisa por dentro do vestido?! Uma camisa por dentro do vestido! Julia Roberts, não se admite! Mas quê, falhou a marcação na esteticista?

O dejá vu:

 Assim como nunca mais ninguém vai poder mostrar a perna sem parecer a Angelina, ninguém mais vai poder usar uma capa sem lembrar a Gwyneth. É a vida... Mas o vestido é lindo, pessoalmente gosto mais desta versão.

 O patchwork:

Este belo serviço merecia um "desmanchar tudo e fazer de novo", no workshop de costura de fim-de-semana.

A mãe da noiva matrafona:

Zoey Deschanel, não se faz.


AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

Pele e pêlo


A pele, sobretudo em casacos e perfectos (este corte a puxar para o rock/motard) e o pêlo, sobretudo em casacos e coletes, são materiais e cortes que entra estação, sai estação, estão sempre no nosso armário. Este Outono/Inverno estão ao rubro e não há marca que se preze que não tenha pelo menos uma proposta de cada peça. 

A combinação ideal deste Inverno é usá-los juntos, numa combinação forte e que só tem como resultar super bem se for bem conjugada. E assim, quando chega o frio, ninguém precisa dizer adeus ao seu perfecto e ao seu colete de pêlo, basta usá-los juntos e enfrentar o frio! Sobretudo este ano, em que os coletes de pêlo estão por todo o lado, esta é uma óptima opção para prolongar o seu uso inverno dentro. 





Perfecto + Colete de pêlo = Perfeito



O ideal é assumir o colete como peça de destaque e aproveitar o tom do casaco para o alongar às outras peças, ou seja, preto, preto, preto, preto. Acaba por ser um visual muito prático, porque como o colete faz toda a despesa, quanto mais simples for a maquilhagem, cabelo e acessórios, melhor resulta.




A conjugação com cinzento também fica gira, mas se se quiser introduzir outros tons de cores, ou outros acessórios, como um chapéu, o visual resulta melhor quanto mais discreto for o colete. Assim, nada resulta forçado.

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE



 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

domingo, 12 de janeiro de 2014

§ 2/ 52 §


Pedro em êxtase, com as cavacas que caíam do céu e o leão que lhe pairava acima da cabeça
Em plena festa de São Gonçalinho

Miguel, olhudo e pestanudo.


AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE




 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

Crescer

Olho para o meu filho Pedro e há muito tempo ele já não é um bebé, é um menino. Passo a mão nas suas costas e elas estão cada vez mais compridas, o seu corpo cada vez mais magro. Ele já corre veloz à minha frente, cada dia mais ágil e eficaz. Ontem desenhou uma cara, com olhos, nariz, boca, braços e pernas, a pedido da pediatra, e eu fiquei chocada. Eu não sabia que o meu filho já desenhava um boneco de linhas, ainda que rudimentar. Onde é que está o meu bebé grande?

Olho para o meu filho Miguel e de repente ele já não é recém-nascido, é um bebé. Deito-o e ele está tão comprido, já não se perde na alcofa. Aperto as suas pernas, já tão gordinhas. Apanho o seu olhar, e é ele quem me sorri, por sua vontade. Onde é que está o meu recém nascido? Onde é que eu andava enquanto ele crescia? Estive com ele todos os dias da sua ainda curta vida e ainda assim me escapou.

Eu olho para os meus filhos, mas tantas vezes não os vejo. Tantas vezes não reparo.

"Se puderes olhar, vê. Se podes ver, repara".
José Saramago

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

No mundo do Pedro

Pai tenta pegar-lhe ao colo:
- Estás pesado, não consigo!
- Tenta com todos os teus poderes!


quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Yummy Mummy - Sara Carbonero


Esta foto ultra querida tem feito as rondas nas redes sociais, com o nascimento do pequeno Martin, filho de Iker Casillas e Sara Carbonero. Adoro um homenzarrão derretido... Bem-vindo Martin!
 | E muito muito bem-vindo pequeno Henrique, que nasceu ontem, coisa fofa |

E não é que no meio da minha agitação, tinha-me escapado a gravidez da Sara Carbonero, nuestra guapíssima hermana?

 Aqui ficam os seus melhores looks e soluções de grávida, sempre num estilo descontraído, neutro e simples.

 Muito preto, era o seu uniforme. 

 Aqui, em looks de Verão.

Aqui, em looks de inverno. 
Boa inspiração para quem está grávida agora: tons neutros e escuros, sem padrões, com os acessórios a dar o sinal distintivo ao look.

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Operação Nighty Fralda be gone

Nós já andávamos a falar nisso há uns tempos, como quem não quer a coisa, mesmo porque o Pedro era o único da sala que ainda dormia de fraldas. Ele gostava da conversa e queria deixar as fraldas, mas na verdade continuava a encher a fralda da noite e não se importava nada com isso.

| Mais uma diferença de manos: enquanto o Pedro NUNCA se queixou de fraldas sujas, podendo viver para todo o sempre com a mesma fralda posta, o Miguel, assim que tem bons motivos para isso,  resmunga uma muda. Adora mudar a fralda, fica super satisfeito! Espero que isso leve a um desfralde antecipado... |

Então, desencantámos mais uma resolução de ano novo: a Operação Nighty Fralda be Gone.
Resultados até agora: ontem deslize, hoje seco! Amanhã, dilúvio?
O que temos feito:
* resguardo de colchão + resguardo descartável entre o resguardo e o lençol;
* nada de águinhas antes de dormir;
* muito xixi antes (com tantas vezes que usa essa desculpa para se levantar da cama, impossível ter a bexiga cheia por umas boas horas);
* ida à casa-de-banho de madrugada, mesmo antes de nos deitarmos. Nessa altura colocamos mais um resguardo descartável por cima do lençol. Se puséssemos esse resguardo extra na hora de deitar, não duraria um segundo posto, mas nesta altura, ele não dá conta de nada e é mais uma protecção para o resto da noite.

Pensei que levantá-lo de madrugada fosse ser muito mais complicado do que se tem revelado: ele está completamente mole, adormecido, nós conseguimos levá-lo, falar com ele, fazer tudo direitinho e quando volta para a cama, vira para o lado e é como se nada tivesse acontecido, tem sido muito mais fácil do que pensávamos.

Até agora, o balanço de dois dias é positivo. Espero um dilúvio para amanhã ou depois, ou na melhor altura, que é quando já não esperamos!

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Dos Saldos

Que agradável pensar nas compras da estação em plenos saldos! Apesar de ainda estar a 9 kg do meu corpo, já posso comprar para ele, e a favor deste que ainda tenho.
As tendências deste ano vão mesmo ao encontro deste momento da minha vida, melhor não poderia ser para um corpo em pós parto:
* botins e botas todo o terreno;
* silhuetas mais masculinas, com cortes largos, estruturados, pouco justos;
* calças justas, mas tops largos e volumosos;
* cores neutras e básicas, sem padrões em especial.
* acessórios statement, em que já não se usa tanto a quantidade, mas sim algo marcante, ideal para usar uma peça especial e não pensar em mais nada.
* pêlo e pele, a criar volume.

Então, as minhas compras até ver da estação/saldos, e que continuam a ser bons investimentos para as próximas estações:


* pêlo, muito pêlo. O meu colete, Zara - óptimo para disfarçar montes e vales e muito prático.


* botas motoqueiras: as minhas, da Carol

* camisolas grossas e de corte direito, de ponto largo. As minhas, Sfera.
A Sfera tem uma seleção inesgotável de malhas grossas, nunca mais acabava de provar as minhas preferidas, o monte nunca mais acabava. E que depressão comprar camisolas para disfarçar a barriga e nada...

Wishlist e bons básicos a comprar esta estação:

- pele (ou seus sucedâneos...): em calças justas e calções largos
- saias compridas e fluidas
- azul e verde escuro
- stilettos: todas as marcas têm a sua proposta deste clássico, basta escolher o seu.

§ 1/52 §

A minha irmã começou o desafio fotográfico do ano, um projecto já partilhado por muitos blogues e ao qual também eu me junto, apesar do pouco talento óbvio e pouco tino previsto... Mas cá vamos!
Um retrato dos meus filhos, a sós e juntos. Três fotos por semana, sem falhas!!

Para começar, aqui ficam os registos da semana que ontem findou e vou fazer o possível por publicar sempre ao Domingo.

Baby Miguel, cada dia mais fofo. 

E começamos já o ano com aldrabice pegada, eu confesso! As fotos seguintes não são desta semana, nem tiradas por mim... Mas são tão representativas que não resisto, é o meu Pedro e são os meus rapazes, sem tirar nem pôr, por isso abrem este desafio, mas desenvolverei os maiores esforços por não mais aldrabar no futuro, juro! 

Na definição do próprio, que o meu filho tem uma capacidade de auto análise absolutamente prodigiosa: 
"Eu sou um bicho maroto!" 


Os manos e o primo, no making of desta foto. O mano mais velho, já protector, mas em bruto. O maninho, sempre metido em sarilhos, que ninguém o deixa em paz.

A portrait of my children, once a week, every week, in 2014

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...