INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Amigos do peito

Depois do drama da subida do leite (e desta vez senti-a bem...), uma vez entrada em velocidade cruzeiro, a verdade é que o problema mais provável é correr-se o risco de o leite começar a escassear. Pelo menos é o que acontece comigo, e muitas vezes é apenas fruto de tomar poucos líquidos e alimentos nutritivos entre mamadas. Mas às vezes é uma complicação beber e comer bem entre mamadas de menos de três horas, parece que não fazemos outra coisa! Dar de mamar - cuidar do bebé - comer - dar de mamar - cuidar do bebé - comer... Muitas vezes eu não tenho tempo para me coçar, quanto mais beber água de empreitada. Esqueço-me completamente!

Mas, para mim, por enquanto resulta uma combinação de:
1 - beber muita água, leite, tisanas, chá Rooibos (sem cafeína), sopa, sumos, enfim, quaisquer líquidos que estejam à mão.
2 - comer sempre alguma coisa entre mamadas, para que haja algum sustento!
3 - respeitar algum tempo entre mamadas. Eu espero em geral pelo menos 2 horas e meia entre cada mamada, ele não pode ter fome de duas em duas horas (pelo menos agora que está mais crescido, e desde que tinha poucas semanas). Apenas respeitando algum tempo entre mamadas eu dou oportunidade a que volte a produzir alguma coisa, senão não tenho hipóteses, entramos num círculo vicioso em que ele petisca (e continua com fome) e eu ando sempre à nora. Assim, quando mama, é a sério e fica mais saciado por mais tempo.

Dos comentários super valiosos que deixaram a este post aqui no blog e no facebook, fiz uma compilação das vossas melhores dicas, algumas que eu já conhecia e fazia, outras não, para todas podermos aproveitar na luta contra a carestia mamária...

- Água, muita água - é a recomendação mais óvia - quer directamente da fonte, quer sob forma de sopas, sumos, infusões, chás (cuidado com a teína - melhor o chá roiibos, que não tem teína), vale tudo, desde que hidrate muito!

- Promil, em saquetas - eu tomei no tempo do Pedro, mas não sei se actuou, ou se foi de me forçar a tomar mais água ou se foi efeito placebo. Certo é que tive mais leite, talvez...



- Mochi, um produto macrobiótico à base de arroz. Uma leitora comeu e até gostava, aconselhou bem cozinhado e com um bocadinho de mel por cima.

-levedura de cerveja


- chá de funcho


- beber cerveja preta sem alcool (claro!!!!)

Aveia melhora a qualidade do leite, 

- chá de erva doce acalma a mãe e o bebé, 

- bacalhau aumenta a produção de leite 

- dar de mamar muitas vezes. Em que ficamos? Eu cá fico com a minha, eu dou a pedido desde que esse pedido venha mais de duas horas depois da mamada anterior, menos não. Ele acaba por mamar cerca de sete vezes por dia.

- usar a bomba de extração de leite após cada mamada para ter a certeza de que se esvazia a mama.

- Cerelac - papinha da boa!

- Descansar bastante (hahahahahaha - eu sei que sim, mas bem sabemos, vamos combinar...)

AS MARAVILHAS DA MATERNIDADE

 { Facebook }  { Instagram }  { Pinterest }

11 comentários:

Anônimo disse...

Olá. Atenção ao leite. Já li que o leite pode provocar cólicas. E em relação à sopa cuidado com os legumes: evitar legumes como as couves, espinafres, brócolos, couve flor.

Polliejean disse...

Não concordo com a dica de usar a bomba após as mamadas. Eu fiz isso até começar a perceber que o meu corpo pensava que tinha de produzir leite para gémeos e a minha bebé não conseguia dar vazão a tanto leite, sendo eu quem acabou por sofrer. Nem tanto ao mar nem tanto à terra...

Anônimo disse...

Mais uma dica valiosa: Natalben para mulheres que amamentam. É carote, mas vale a pena. Maravilhas, já experimentou fazer uns tummy times com o seu filho, algum exercício? Já agora também lhe pergunto se o seu filho bolça muito. A minha menina bebia de hora a hora. O resultado era comer, bolçar, comer, bolçar. A pediatra recomendou que mamasse de três rm três horas, para diminuir o refluxo. Ora isto das três horas não funciona. O que tenho feito é entretido a minha bebé com vários exercícios do babyoga. E é assim. Tanto refluxo também faz mal.

Daniela Magalhães & Sónia Ribeiro disse...

A dica de usar a bomba é boa sim, para quem tem pouco leite. O corpo vai memorizando que tem de produzir mais. Para quem tem leite não vale a pena pois o efeito seria pior!

Anônimo disse...

..beber leite provoca colicas nos bebese e é errado acreditar que se beber leite vai produzir mais leite. Veja se o caso dos animais. De qlq forma eu amamentei o meu bebé exclusivamente até aos 6 meses. Neste momento tem 7 meses e meio e quase 10kg. Apenas me preocupei em me manter hidratada e deixa lo mamar em livre demanda. Haverá leite enquanto o bebé mamar e para que ele mame corretamente não se deve dar biberão ou chupetas...o meu bebé nao sabe o q são ;) continua a preferir a maminha à papa *) bjs

Anônimo disse...

Só uma correcção, o bacalhau não faz aumentar a produção de leite. Simplesmente, por ser salgado, faz com que as mulheres bebam mais água, e isso sim aumenta a produção de leite. Tirando isso, óptimas dicas, parabéns pelo blog :)

Anônimo disse...

Anónimo:

"Haverá leite enquanto o bebé mamar" Isto é mentira. A sério que há quem tenha imenso leite e num dia fique sem uma gota. Acontece..pode ser mais raro, pode ser 1 em 20, mas existe. Assim como há mulheres que simplesmente têm leite que não acaba e outras que por muito que se esforcem não conseguem ultrapassar a produção de 100-120 a cada 3 horas. E isto em livre demanda e hidratação. Mania de achar que se nós conseguimos foi única e exclusivamente mérito nosso e que se a vizinha não conseguiu foi única e exclusivamente erro seu. Farta...farta destas pressões mamárias..isto é tão válido como o parto...há quem mesmo sem se mexer vai parir super facilmente, com 3 puxos no período expulsivo e quem vá estar lá a sofrer horas a fim e ficar sem caminhar e cheia de mazelas para a vida. Claro que quem está na primeira situação acha logo que é uma mulher heróica e que as outras são umas bambies. Genética e ponto final.

Anônimo disse...

Concordo a 100% com o seu comentário.

ana bandarra disse...

Ligue para a SOS amamentação. Cheira-me que se trata da crise dos 3 meses. O pediatra Carlos Gonzalez explica isso muito bem.

ana bandarra disse...

Cá está: http://m.youtube.com/watch?v=s9EIGOkAt8o

PrincesSu disse...

Ai que daqui a pouco mais de um mÊs começo eu nessas andanças!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...