INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

domingo, 4 de novembro de 2012

1ª Corrida Solidária Bosch

Acordámos com o Pedro, como é habitual, mas desta vez não me levantei contrariada (eu, porque o maridón ficaria a dormir e a ronhar até amanhã de manhã...).
Choveu a noite toda, quando me levantei ainda chovia e já estava a ver-nos a ficar em terra firme.
Mas de repente parou de chover e lá fomos!

Havia imensos participantes, e os da caminhada (nós) partiram de um ponto diferente dos de corrida, por isso só no fim é que se juntaram todos os participantes. Tinha receio que o mau tempo afugentasse as pessoas, mas não, éramos muitos e estávamos animados!



Fomos dos últimos a partir mas fomos dos primeiros a chegar... Porque somos o máximo!

Mentira... porque fizemos batota!
Mas não foi por mal, não mesmo. Acontece que o senhor meu marido entendeu não levar o carrinho do Pedro, que íamos sem problemas a pé, ao colo e às cavalitas. Pois sim, 4 km? Siiiim. Claro que arrancámos no fim e íamos a pastelar, até que o percurso nos levou a passar perto de casa e lá fomos buscar o carrinho. Claro que o Pedro ficou satisfeito e nós livres, mas atrasadíssimos! E eu tenho sempre razão, btw. À saída, vimos que do outro lado os primeiros já tinham dado a volta e nem hesitámos, atalhámos sem dó nem piedade! E assim comemos um bocado de caminho e passámos para a frente do pelotão...
Like a boss! Brincadeirinha, calhou mesmo assim, mas calhou muito bem ;))


Pudemos ver a chegada dos vencedores da corrida enquanto nós próprios quase estávamos no fim da nossa caminhada e essa parte foi a mais gira. Tenho mesmo de voltar às corridas. Ver a malta a chegar depois de correr 10 km (peanuts para muitos deles, mas um desafio para tantos outros, eu incluída), todos arrebentados, completamente estoirados, mas fortes, orgulhosos do que a sua cabeça e o seu corpo alcançou, com aquele ar de "Eu já corri 10 km e ainda agora são 11 da manhã ", é demais. É uma sensação de poder, de superação, de bem estar. Todos os poros dão de si, é MESMO o máximo.
Tenho de voltar às corridas, asap.

Pelo que soube da organização, foram angariados cerca de €40.000,00 que reverteram totalmente a favor das instituições que estavam a ser apoiadas.
Estas iniciativas são sempre muito giras e quando são perto de nós, melhor ainda.Tenho recebido convites muito giros, para as mais variadas coisas, que eu sempre agradeço e tenho imensa pena de não conseguir aproveitar como gostaria, mas são sempre em Lisboa, é uma grande complicação... Desta vez, foi mesmo às portas de casa, maravilha!
Esta foi apenas a primeira corrida, há mais edições no horizonte, lá estaremos!


12 comentários:

MissBlueEyes disse...

A primeira foto de vocês está maravilhosa :)

Anônimo disse...

Que bom ainda bem que foram e se sentiram muito bem. As fotos lindas como sempre.

S* disse...

Mas que gira que és... parabéns!

Anônimo disse...

Parabéns pela descrição da corrida. Muito engraçada e original.

Ass: Pedro Cruz (1º lugar da corrida "peanuts" dos 10 km)

;)

**SOFIA** disse...

muito bem!!! é preciso ter fibra :))))

ML-As Maravilhas da Maternidade disse...

Obrigada pelas vossas palavras doces :DD

Pedro Cruz, foco contente que tenha gostado, olhe que bati palmas por si, muitos parabéns!!

Beijinhos a todos e boa semana

Melancia disse...

Na última foto pareces a irmã mais velha do pedrito!!

ML-As Maravilhas da Maternidade disse...

Era por estar bem longe do foco rsrsrsrsrs

Obrigada Melancia, you are too kind <3

Pedro Neves disse...

Olá.
Apenas uma correcção: conseguimos angariar 40000 euros e nao 20000. Obrigado por ter participado.

Pedro Neves
Bosch Termotecnologia SA

ML-As Maravilhas da Maternidade disse...

Obrigada eu pela correcção, muito bom saber disso!!

A correção já foi feita, fico muito contente que esta iniciativa tenha sido um sucesso, muito bom

:))

Anônimo disse...

Fica desde já combinado que para o ano vou bater palmas por si. Mas desde que eleve a fasquia e participe nos 10 Km. O percurso vale a pena ;)

Até um dia destes.

Pedro Cruz

ML-As Maravilhas da Maternidade disse...

Fica combinado!! Fica mesmo!
E sim, acredito que o percurso valha muito a pena, não é de todo um percurso que se possa fazer no dia a dia...

E dizer depois "Eu cá já fui a correr de Ílhavo a Aveiro, foi um instantinho!", deve dar um gozo tremendo :D :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...