INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

domingo, 13 de janeiro de 2013

Reality check

O Pedro tem dois anos e 15kg.
Se calhar já vai sendo tempo de o tirar da cadeira alta, de lhe tirar as grades da cama e de deixar de lhe dar o leite da manhã no biberão, não?

Sim, em casa ainda andamos assim, num misto de preguiça e negação, a empurrar com a barriga...Serei a única?


15 comentários:

vidasdanossavida disse...

Acho que cada família sabe o que é melhor. Cá em casa acabámos com o biberão quando tinha um ano e pouco, tirámos a barra infantil da cadeira de refeições trip trap quando tinha 2 anos, mas só o mudámos para uma cama de adulto quando tinha dois anos e meio. E continuava a caber bem lá, mas achámos que ele precisava desse salto de crescido. E foi uma alegria monumental. Sentiu-se super promovido! o meu filho tem 3 anos e 12 quilos. Bjs

Ana Princesa disse...

Se a deixa mais tranquila um menino da mais tranquila, um menino da minha sala (4 anos) ainda bebe o biberão de leite na cama. :O
Agora que sou Mãe, já não digo é nada. Cada um sabe de si ;)

**

Raquel disse...

Concordo com o comentário da vidasdanossavida: cada família sabe de si. Eu mudei o João de cadeirinha da papa mas continua a ser alta, é uma do ikea (baratinha, baratinha) que tem um cinto que o prende (o único do qual não se consegue soltar). E mudei para uma cama de adulto com protecção lateral. Ele só vai fazer dois anos em Fevereiro. Mas achei que tinha mesmo de o fazer porque temia pela segurança do meu destemido do coração (como cheguei a comentar no post que pôs uma vez sobre um sonho mau que teve com o Pedro). Ele chegou a cair uma vez da cama de grades! :-( nunca pensei que a protecção lateral da cama de adulto onde dorme agora fosse suficiente para travar as voltas e mais voltas que ele dá a dormir mas, até agora, resultou muito bem!
Beijinhos e boas mudanças :-)

Mary of Cold disse...

Acho que cada criança (e respectiva família tem o seu timing). O meu filho tem 2 anos e meio e 15 Kg (minhas ricas costas) e só nas férias do Natal é que lhe tirámos a grade da cama. Essencialmente porque ele já se empoleirava há algum tempo nas grades (tínhamos sempre um puf gigante junto à cama para amortecer uma eventual queda) e achámos que seria uma boa altura para a transição. Confesso que tive algum receio que começasse a levantar-se sozinho de noite ou a não querer ficar na cama quando o fosse deitar, mas enganei-me redondamente. Fica tão ou mais sossegado quando o ponho a dormir e de manhã chama-nos sempre. Acho que também tem algum medo do escuro e por isso deixa-se ficar até nós chegarmos :)
Quanto à cadeira, tal como a vidasdanossavida, também tenho uma trip trap mas ainda não tirámos a barra infantil (talvez por comodismo...).
Quanto ao biberão já não o usamos há vários meses, muito por iniciativa do infantário que, quando ele fez 2 anos nos aconselhou a incentivá-lo a beber pelo copo, já que grande parte dos colegas já o fazia. Pronto, foi num instante. Sem stresses.

P.S. Quando tirámos a grade da cama deixámos só o puf como segurança. Na 1ª noite tudo bem, na 2ª acordou de manhã e já estava a dormir no puf; na 3ª noite caiu às 3 da manhã e ficou entalado entre o puf e a cama. Ficou de tal forma assustado que só chorava e nessa noite dormi com ele no puf. No dia seguinte fomos comprar uma barra lateral.Podes ver alguns exemplos aqui:
http://www.pixmania.com/seguranca-intercomunicadores--barreiras/ptpt128_2872_multi.html#aj-m-2872,aj-s-18260/amount-low=0,amount-min=0,amount-high=139,amount-max=139/sortFilter=topsellers-DESC/display-grid/

Comprei uma da Jane (35€) que ocupa 2/3 do colchão, deixando um espaço ao fundo da cama para entrarem e saírem sozinhos. Nunca mais caiu.
Espero ter ajudado.

ML-As Maravilhas da Maternidade disse...

Muito obrigada pela vossa partilha e pelas vossas dicas, realmente cada família tem os seus timings, tenho que deixar de procrastinar (acho que este é o nosso problema, comodismo!) e fazer algumas alterações...

Beijinhos e boa semana!

MarianaS disse...

Relativamente a esses três pontos, talvez nessa idade começasse desde já por lhe tirar o biberão, porque lhe favorece a autonomia e a dentiçao... O resto, não só é comodismo, como uma segurança para os acidentes que ainda podem acontecer.

Sofia disse...

ML, cada um é que sabe. Tenho visto de tudo, até um colega cujo filho de 7 anos dorme na cama dos pais........ Bom, mas quando o Pedro sair da cadeira da papa, fica uma dica: eu comprei um daqueles banquinhos do carro na Zippy, dos mais baratos, para por na cadeira da mesa dos crescidos e assim ficarem com altura para se sentarem connosco e não bater com o queixo na mesa. Bjs!

Simplesmente Ana disse...

A minha tem 3 anos e 13, 500kg. Deixou o biberon aos dois, largou as fraldas numa semana aos dois anos e meio, come na cadeira da papa porque é adaptável (é a bloom) e ainda dome na cama de grades e usa chucha. E vou admitir que, às vezes, ainda toma banho na na banheira de bebé. Ela é pequenina, a banheira é grande e está montada numa estrutura idealizada por nós que faz com que eu não tenha que estar a dar-lhe banho de joelhos. Mas admito que já tenho vergonha e vou desmontá-la agora. Também penso em mudá-la de cama, mas ela diz que não quer...e, lá está, ainda cabe perfeitamente. Tudo a seu tempo, que não gosto nada de pressioná-la.

Su M disse...

Não... mas olha, sinto-me muito melhor por saber que afinal ainda há tempo ;)

Edien disse...

Cada caso é um caso. Todos os miúdos têm ritmos e necessidades diferentes, tal como cada família.Na minha opinião não há momentos ou idades certas, contudo acredito, por experiência própria, que quanto mais cedo melhor,promove-lhes a autonomia, auto-estima e segurança.Beijinhos e que corra tudo bem, a mãe e o pai saberão com certeza qual a melhor altura para esses grandes, pequenos passos :)

sofia costa disse...

A mim dava-me um jeitão a Alice beber o leite do biberão à noite e de manhã. Metia-lhe o biberão na mão e enquanto ela bebia o leitinho eu acabava de me arranjar e preparar as coisas dela... Bebeu leite pelo biberão até ao fim do ano letivo passado, tinha 4 anos e 3 meses :)
Mas sabia beber leite normalmente pela caneca e era assim que fazia ao lanche! Só no setembro passado comecei a colocar o pequeno almoço para a miúda na mesa da cozinha, também porque estava de licença de maternidade e tinha mais tempo, assim fui-me habituando a este novo ritmo pela manhã :)
Como todas disseram para trás, cada família deve ter os seus ritmos...

macaca grava-por-cima disse...

por aqui temos um pirata com dois anos e um mês: cadeira alta ainda usa quase diariamente, cama de grades sim (médica começa a orientar para a mudança apesar de dizer que se ele não se quixa, não se sente apertado e descansa bem, não há necessidade de mudanças para já), chucha só para dormir mesmo (depois de uma conversa à séria na semana passada, nada como falar/explicar com firmeza), biberão háa meses que já não usa pq se sente muito crescido a beber pelas canecas. Próximo passo e que mais me deixa ansiosa é o desfralde: ele ainda nem diz que tem cocó ou disfarça qd tem...

macaca grava-por-cima disse...

2 anos e um mês e 14 kg :-)

Elix disse...

A minha ainda não tem 2 anos, mas sinceramente não "nos pressiono" muito, deixo as coisas irem acontecendo. Ela bebe o leitinho ainda no biberon, mas ás vezes bebe água do copo... vamos vivendo e alterando conforme as necessidades...

Cristina Rocha disse...

E Ema tem 3 anos e 17kgs. A cadeira alta já lhe tirei há muito, a pedido dela. Dizia que já era muito crescida e, claro, queria uma cadeira igual à dos adultos :) Passei-a da cama de grades para a de solteiro aos 18 meses pois achava que ela se sentia muito "presa" na de grades, passava a noite toda a bater nas grades. Só o biberão é que ainda não deixou... e confesso, é a única coisa que me faz pensar que ela ainda é bébé... por isso, deixo-a ter esse consolinho:) Cada criança tem o seu tempo, é preciso é conhecê-los e saber quando estão preparados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...