INQUÉRITO!!!

Um pouquinho do seu tempo, posso?

Responda a esta pergunta sobre o que gosta de ler neste blog, aqui:


OBRIGADA!!

terça-feira, 21 de maio de 2013

A Festa da Varicela


O Pedro tem escapado por entre os pingos da chuva da onda de varicela deste ano. Quase todo o colégio já foi atingido, apenas a salinha dele ainda vai resistindo, como se fosse uma brava aldeia gaulesa, mas ainda assim metade da turma já ficou pipocada.
Os melhores amigos ficaram, o Pedro, nada. A prima ficou, o Pedro, nada. As outras salinhas com as quais convive ficaram, o Pedro, nada.
E por agora seria uma boa altura para ficar, sinceramente. O irmão ainda não nasceu, e eu queria evitar ao máximo que o Miguel tivesse varicela enquanto bebé, já estamos na Primavera (estamos sim, não sabiam? Pois, não parece, mas estamos, diz que sim...), nas próximas semanas não tenho nada de caótico para tratar, nem nós em família para desbundar. Dava-me mesmo um jeitaço que fosse agora. Tipo, esta semana, na próxima, no máximo.
Desta vez, quem ficou com varicela foi o priminho, está uma desgraça de pipocado, coberto de borbulhas de alto a baixo. A médica dele, que é a minha de família, sugeriu que o Pedro tivesse mesmo agora, enquanto é novo e o vento está de feição, e lá fomos na semana passada para uma varicela party.


Eu devo confessar que não estava muito festiva, infelizmente. Tive uma série de sentimentos em conflito por levar o meu filhote cheio de saúde a abraçar o primo todo varicelado. Ao menos o priminho estava bem disposto, tadinho! Mas ainda assim, eu dizia "Pedro, vamos dar beijinhos no bebé V. que ele está com doi doi na cara?" E ele dava abracinhos e confortava o primo, coitadas das crianças inocentes... Tanto lhe pedi para abraçar o primo, passar a mão nas borbulhas, dar beijinhos, que às tantas o Pedro já nem queria nada com o cachopo, queria era brincar com a prima.
Mas lá estiveram todos a brincar, e nós a esfregar os primos o mais possível e o máximo de tempo possível.


Bom, resta saber se desta vez o Pedro não sai ileso ou se continua a resistir ao malvado do vírus.
Pelo sim pelo não, vou aguardando os próximos dias e semanas (o período de incubação é de 15-20 dias), a ver se pela escola ou pela família, o meu coelhito fica também ele pipocado.
E pelo sim pelo não, tenho o Zovirax a postos, que o meu nariz é prova de que as cicatrizes da varicela são marcas para a vida e se são chatas na altura, podem moer para o resto da vida...

4 comentários:

Sofia disse...

Os beijinhos são infalíveis! Por aqui já tivemos. Bjs!

Simplesmente Ana disse...

Gostei da Varicela Party!

A pediatra da minha recomendou a vacina.

S* disse...

Esperemos que, de facto, tenha pegado. Dizem que ter varicela em pequenote é o ideal.

Anônimo disse...

Olá! Quando li o teu post lembrei-me de mim em pequena que varicela e sarampo foi coisa que não me pegou. Na escola as minhas amigas tiveram varicela e eu nada, o meu irmão, mais velho, teve eu não e quem ficou foi o nosso vizinhos. De facto é bem melhor ter-se estas doenças em pequeno. Agora é esperar. Beijinhos

Lili

http://vidali.blogs.sapo.pt/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...